Veículo elétrico passa a realizar entregas para os Correios

Parceria com a CPFL Energia passa por teste de seis meses em Campinas.
Veículo utilizado é o Aris, com autonomia para rodar até 120 quilômetros.

A CPFL Energia e a Empresa de Correios e Telégrafos (Correios) assinaram nesta quinta-feira (21) um contrato de comodato para a utilização de veículos elétricos na entrega de correspondências em Campinas (SP). A parceria é uma das primeiras iniciativas do gênero no país. Outra parceria semelhante é a da Renault com a Prefeitura de São Paulo.

O veículo utilitário Aris, fabricado especialmente para a CPFL Energia pela Edra Automotores, será testado pelos Correios por um período de até seis meses. Ele percorrerá, diariamente, cerca de 70 quilômetros pelas ruas e avenidas do bairro Taquaral, um dos mais populosos de Campinas, entregando, em média, 200 documentos Sedex.

De acordo com a CPFL Energia, um motorista escolhido pelos Correios passou por treinamentos para que pudesse dirigir com total segurança e autonomia. Ele será o único condutor do Aris durante o período de comodato. O carregamento, em tomada comum, será feito duas vezes ao dia.

Estamos abrindo portas para a utilização maciça desses veículos, que têm como principal característica a emissão zero de gases de efeito estufa”, explica o vice-presidente de Gestão de Energia da CPFL, Paulo Cezar Coelho Tavares. Segundo ele, o custo por quilômetro rodado é de, aproximadamente, R$ 0,04, ou seja, 25% mais econômico que um veículo a gasolina.

De acordo com o diretor de Tecnologia e de Infraestrutura dos Correios, José Osvaldo Fontoura de Carvalho Sobrinho, a ideia é incorporar mais protótipos Aris à frota da empresa após o período de testes.

Aris
O elétrico Aris tem autonomia para rodar com uma carga de 90 a 120 quilômetros e atinge a velocidade média de 65 km/h. O utilitário tem capacidade para transportar duas pessoas e mais 350 kg de carga.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *